quarta-feira, 30 de setembro de 2009

vácuo

"você nunca deu nada de bom pra gente" - 22 anos

"você é uma largada" - 21 anos

"você num vai longe." - 18 anos

"você é louca" - 17 anos

"você se veste mal, tem amigos estranhos, num faz nada!" -16 anos

"você é uma qualquer." 15 anos

"você num vai ser nada, só vive escrevendo nesse caderno" 12 anos

"ela é mais inteligente que você." 10 anos

"você num me ajuda só atrapalha" 8 anos


eu não queria você - quando ela descobriu que eu existia

terça-feira, 29 de setembro de 2009

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

incompleta.

não você ainda não acabou aquela coleção,
não você ainda não definiu os tais modelos,
não você ainda não ligou para ela,
não você ainda não mandou o email notificando,
não você ainda não desenhou o suficiente,
não você ainda não tem autonomia financeira,
não você ainda não concretizou o tal plano,
não você ainda não morou em paris,
não você ainda não foi pra uma praia deserta sozinha,
não você ainda não casou,
não você ainda não tem filhos,
não você ainda não fez o mestrado,
não você ainda não morou na praia,
não, ainda não.
você ainda não sonhou com o muito, ainda tudo é superfície.
e a cada dia que passa se torna mais palpavél.
não, você ainda será incompleta, e isso é quase eterno.

ensaio sobre freelas

- você tava com quem no telefone?
- com um novo fornecedor.
- você num conhece?
- não, é novo.
- meu deus, e você mandou um beijo no fim?!
- ahhhh... mandei?
- é mandou, num pode vc nem conhece.
- é habito, desculpa. mas... agora vc é minha acessora?!
- sou.



isso que dá, trabalhar em casa,
tem o lado bom dos sucos e mimos no meio de tudo,
mas ela sempre acha o erro,sempre.

domingo, 27 de setembro de 2009

anotações

perdoar, não significa confiar.
perdão é só o começo,
abre a possibilidade da confiança ser reconstruída.
ou não.
eu já vivi o não,
eu já vivi a possibilidade,
e já vivi a dor, de não poder ter nada disso, de escolherem por você.



de tudo oque levo na minha mala,
não deixar ninguem tirar ou colocar nada que eu não queira,
isso é o mais importante.



se perder, é saber onde estou e ter a chance de me encontrar.



as vezes a gente tem tudo na mão,mas esquece de lava-las.



do meu moleskine até aqui pra mim mesma.

sábado, 26 de setembro de 2009

wheels

quando você acha que tudo terminou,
tem outro round pra você.




grohl certamente me entende,e conhece.

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

sempre

é o começo da eternidade,
e o que nos une com o passado.
pois, quando lembramos de algo que era pra sempre e já num se é mais.
ele volta a ser, pelo menos por alguns segundos.



pax pra sempre, dentro do meu coração,pelo menos.

e hoje?!
dançar até cair.pq nem todo o dia sua melhor amiga faz 22 anos com TEKILA.

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

pós modernidade maternal.

- que você está vendo?
- descolados da mtv.
- ai, você ta ficando mais tonta.
- eu gosto.
- eu gosto do adnet.
- que é isso?
- o cara do 15 minutos!
- que é isso?
- o programa do marcelo adnet e do mano kiabo. Alias, vc tem que ver!
- quem é mano kiabo?
- nossa é O programa da MTV, vc fica nessas series idiotas, perde o melhor.
Ai, amanda vc tá muito desatualizada!
- é. ...
- e eu acho que deveria pintar seu cabelo denovo, descolorir sei lá.
- prefiro ficar desatualizada.

terça-feira, 22 de setembro de 2009

temperatura

é sempre no fim do dia, que a nostalgia surge.
é sempre quando chove, que renovam as esperanças.
é sempre quando escurece, que se quer estar junto.
é quando amanhece,que pedimos para o escuro voltar.

leve

o nosso amor, a nossa paz, o nosso som.
mas,
se você levar, vai pesar.
então, deixe por aqui,
os fragmentos pesados da leveza de um amor.
pois o peso que você carrega, ainda está comigo, e por aqui.
assim será em fim.

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

café com leite

Pra quem não conhece a minha história,
a minha família é muito unida,e eu tenho 2 priminhos,
que cresceram como se fossem meus irmãos.
e esse fim de semana, eles já estão por aqui, pra minha alegria,
e pra eu ter assunto divvertido pra esse blog,então...
num dos devaneios infantis:

" - joão, vamos ver Spirit!
- vamos ver espírito!
- nãoooooooo... vamos ver Spirit!
- então vit! derrrrrrrr, Spirit é Espirito em português!
- nãoooooooooo é! to falando do filmminho
- derrrrrr...é sim, é espirito!
- num é não (já quase chorando) espirito é oque vfica dentro do meu coração!
- vit, você num sabe nada de linguas!
- e você num sabe nada de coração! hum! "


ainda bem que a vit já reconhece que homem num sabe nada sobre coração,rá!

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

a culpa,

eu num sei, se sou a única,
mas me sinto culpada o tempo todo, as vezes há um suspiro de alívio,
mas logo, a culpa aparece, e o supiro acaba, em segundos.
as vezes me sinto culpada em não estar em outra cidade,
em ter moradao tanto tempo longe dos meus pais,
em ter aceitado o tal emprego,
ou ter saido do outro,
me sinto culpada em não ter enfrentado tudo que eu deveria,
em não ter sido perfeita,
em esquecer de datas especiais,
de não dar uma vida melhor para os meus pais,
Além dessas culpas particulares, ainda me culpo,
pela fome no mundo,
pela miséria, pelo aquecimento global,
e por N coisas que as vezes,muitas vezes, ouço na tv,
mas... num faço nada, mas me sinto culpada.
Talvez, essa culpa, venha de uma cultura,
onde todos os erros,frustações e afins...
são todos de responsabilidades femininas, talvez,
isso seja só aqui na minha casa, na minha familia,
mas, até hoje vejo minha mãe se culpar por não ter feito isso,
minha avó por não ter feito aquilo,
minhas tias pelas escolhas erradas,e assim vai...
de tanto ouvir mne tornei uma.
mas hoje, me dei o direito, isso decretei.
a culpa num é só minha, direitos iguais!
pelo menos no meu universo.

sentimento.

é quando a mente sente, oque o coração diz.
e a minha mente é sinestesia pura.

terça-feira, 15 de setembro de 2009

oque me irrita?

gente bunda mole.
e loira também, mas a minha melhor amiga é loira.

final feliz

Minha querida filha,queria que você soubesse que todas as histórias,
que contam por aí, sim aquelas onde toda a menina,é linda,
chamada de princesa e até a serviçal da casa tem seu sapatinho de cristal,
isso é uma tremenda mentira!
Aqueles vestidos nunca vão ficar bonitos se você num for magra, pra entrar neles,
o seu cabelo, tem que passar chapinha ou pelo menos uma escova pra acertar!
Não, você num vai conseguir sorrir o tempo todo,pois é,
e nem sempre ser simpática e bondosa.
Ahhh, você pode ir até em tais bailes mas,não,
e quase sempre num vai ser o tal principe encantado que vai te chamar pra dançar,
na maioria das vezes vai ser o tal nerd que sempre sentou do seu lado na escola.
Filha, raramente o principe vem atras de você.E ele nem está montado num cavalo branco,
alias eles podem até ter um carro legal, mas na maioria das vezes,
você num é a única princesa que ele vai pegar.
Ok... to pegando pesado.
Existem os bons,
existem sim, mas eles, ahhh eles!
Na maioria das vezes vão esquecer as datas,
então imagine se ele vai saber o numero do seu sapatinho...
Eles não vão te chamar sempre de princesa,
ahhh, vocês vão ter problemas, de comunicação,
ele não te entende as vezes, e você,quase sempre não vai entender!
Outra coisa,sua casa,não num existe castelos,
e nem fada madrinha, sim...
sinto-lhe informar você vai ter que lavar,passar e cozinhar.
ou batalahr muito para ser rica, ou seja, na labuta meu bem.
Sim filha, você vai se frustar,
Vai chorar as vezes, muitas....e algumas vai achar que vai morrer.
Vai bater a porta, vai ter dor no coração de saudade.
Vai se arrepender, vai se vestir mal e as vezes num vai querer levantar da cama.
Você nunca vai ser perfeita, e nem vai sorrir o tempo todo,
sinto em dizer isso,
mas só sabendo disso, você vai conseguir ter um final feliz.

SER OU NÃO SER?

__________
já era!

e tudo agora é fast food,
se define em 144 caracteres.



e felizmente oque dura dentro de mim,
passam de anos já, e cresce ainda.

domingo, 13 de setembro de 2009

joão

minha alegria de segunda feira,
tem nome, idade e estilo.


e no fim do dia vou ter muitas histórias,
que vão fazer parte da minha.

contradição

e agora josé?!

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

quem?

quem disse que desenhar te torna um artista?!
quem disse que vc é artista?!




é a velha história,de 22 anos.

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

se fosse fácil,

num teria a mínima graça,
mas conseguir mais que tudo no fim do segundo tempo,
você acaba o dia com um sorriso no rosto e um abraço bom.

um meio abraço,mas bom.
que amanhã seja um desses,bom dia.
que trazem o bem,fazem o bem.

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

ta doleur

Doucement sans faire de bruit
Comme on réveille la pluie
Je vais prendre ta douleur.



sem mais.
ou melhor,
pas plus.

terça-feira, 8 de setembro de 2009

devaneios

porque as vezes a gente ta olhando para a porta,
e o passarinho chega pela janela.

e é assim, as vezes a gente só está olhando para o lugar errado.
mas estamos no lugar certo.


abra a porta e deixe a janela,
e os ouvidos abertos, sempre.

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

sincera idade

Os velhos, eles são mais vivos.
Ontem eu descobri isso,
Num almoço de familia, onde todos tinham seus questionamentos,
seus sentimentos, e suas afirmações.
Sobre uma novidade na familia,que eu apresentei.
Foi ele, um senhor querido e forte,
foi até minha mesa, e disse lá mesmo tudo que queria.
Oque achava e oque preferia.
Talvez se fosse outra pessoa eu iria gritar e contar tudo que eu passei,
As vezes até choraria, assumo 3 horas mais tarde eu chorei por ter errado.
Por ter perdido meu tempo, minha vida.Mas nos minutos seguintes,
lembrei que ganhei uma parte boa de quem eu sou,passando por isso.
Mas foi ele, quem sempre me dá a benção para a minah semana,
e ontem, assumo, eu num pedi.
Ele, com toda a sua sinceridade,
me ensinou a falar oque eu penso, mas pensar apara falar também.
E me ajudou a descobrir mais uma vez,
que a minha opção, a minha escolha,
sem pensar em ninguém e sem pedir opinião para ninguém,
foi a mais sensata.
Ontem ele foi sincero comigo,
e me mostrou que estou sendo sincera comigo mesma.
Eu estou no lugar certo,não tenho dúvidas disso.

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

meu gosto

gosto de palvras curtas. o não me atrai.
o sim é fácil e clichê demais.
gosto de sons, diferentes, e de sorrisos.
gosto de ouvir pessoas, mas gosto de falar,
mas queria voltar a época em que não pensava em nada,
e podia dizer oque sentia, sem medo.
alias, num gosto de medo, e nem de simpátia clichê.
gosto de verde, de sapatos diferentes,
livros, de outros mundos.
não gosto de numeros, gosto de pessoas e de tinta,
gosto de papel e caneta,
com um pouco de sabor.
gosto de cortina e de portas,
e sempre fecho e abro algumas.
sem nenhum problema, eu esqueço.
só não me esqueço de comer, e do seu tempo.
do seu tempo comigo, amigo.
meu gosto não vai estar estampado na proxima lista de presente,
mas vai estar explicíto no meu próximo sorriso.

sobre viver

me sinto larva,comendo algumas coisas aqui e alí.
sobrevivendo de aprender, ouvir e digerir.
andando por tudo quanto é canto, feia.
sozinha, e sem ninguém para me admirar.
me sinto no casulo, quando fecho a porta,
os olhos e as vezes o coração,
quanto num escuto mais nada, quando vivo nesse meu único mundo,
de uma pessoa só.
me sinto livre, com asas,
quando posso sonhar, e ainda pousar.
quando me vejo com cores, e sinto aromas.
me sinto assim,
livre, só, presa.
por deixar eu mesma, me sentir,
é eu deixar quem eu sou, viver.

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

vanguarda

não é simplesmente achar as respostas,
mas sim, buscar novas perguntas.